out 12

A facilidade de se começar a investir será um dos pontos em que baterei com freqüência pois é notável o número de pessoas que não investe na bolsa por achar isso algo inacessível e difícil.

  1. O investidor procura uma Corretora Membro da Bovespa e preenche um cadastro contratando seus serviços. Este é um passo importante, pois a corretora além de cuidar de seu dinheiro vai orientar você principalmente em seus primeiros passos.
  2. Com a assessoria da Corretora, o investidor escolhe a ação ou as ações que deseja comprar e dá a ordem para a Corretora. O seu corretor vai conversar com você e tentar descobrir qual o seu perfil de investidor, se mais arrojado ou alguém que busca mais segurança e lucros certos ainda que menores. Ele vai orientá-lo sobre que dinheiro é melhor investir na bolsa, qual é o valor mínimo para começar e que postura assumir no início enquanto aprende mais sobre o mercado de ações. Continuar lendo »

Postado por Lilian Ribeiro
Tags: , , , , , , , , , , ,

out 06

Em primeiro lugar, gostaríamos de lhe dar sinceros parabéns pela escolha de estudar assuntos voltados ao mercado financeiro. Não dependendo dos seus objetivos, a primeira regra é estudar e discutir muito sobre as várias modalidades de investimentos voltados a bolsa de valores e não se preocupe em estudar “demais”. A segunda regra é colocar em prática tudo que aprendeu, pois do contrário, os seus estudos não farão sentido. Então não tenha medo de tomar os primeiros passos, comece com um capital pequeno, um capital que você realmente possa arriscar, e você verá após isto o quanto ainda terá que estudar.

Direto ao que interessa: quanto custa?

Esta talvez seja a primeira dúvida ou o primeiro detalhe que faz o investidor ficar com um pé atrás. Não se preocupe, você não terá escolhas, havendo lucro ou não nas operações, haverá custos!

Continuar lendo »

Postado por Lilian Ribeiro
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

out 04

Qual a finalidade do seu investimento?

Antes de escolher onde investir, é importante decidir como o capital investido será utilizado no futuro, pois essa decisão será determinante na hora de escolher o tipo de investimento. Por isso, tente listar seus objetivos e decidir o quanto será aplicado para atender a cada um. Caso existam mais objetivos que sua capacidade de poupança, tente eleger os mais importantes.

Os objetivos de investimento podem ser listados em termos mais específicos, como, por exemplo, “compra de uma casa”, ou mais gerais, como, por exemplo, “formação de poupança para utilização futura”. Porém, especificá-los melhor pode ajudar na hora de escolher o investimento mais adequado, principalmente se a cada um estiver associada uma estimativa de valor.

Caso você queira saber quais são os objetivos de investimento mais comuns entre outros investidores como você, visite a nossa página Determinando objetivos para o seu investimento. Continuar lendo »

Postado por Lilian Ribeiro
Tags: , , , , , , , , , , , ,